1ª - Edênica

1ª - Edênica

1 

 

IMPORTANTE

OUÇA OS ARQUIVOS DE ÁUDIO NO FINAL DA PÁGINA

 

1) Amizade: (Comunhão com Deus)

 

(Gn 1: 27) Amizade a base de tudo, pois foi o propósito de Deus em criar o homem. Não fosse o homem ter sido criado à imagem de Deus, ou seja, Espírito vivente, tal comunhão seria impossí­vel, pois doutra maneira a raça humana seria inanimada, desprovida dos atributos essenciais para relacionar-se com seu Criador. "Deus quer se relacionar com pessoas que tenham a mesma forma de pensamento e funcionamento. Em (Gn 3 :8) vemos como era habitual por parte do Criador tem um encontro com hora marcada com sua criatura. Motivo? Saber como foi o dia, expor seus pensamentos e seus atos.

 

2) Multiplicar e encher a terra:

 

Deus queria que a raça humana em COMUNHÃO com Ele enchesse a terra e dominasse a criação como representante Dele, mas não como um ser autosuficiente. O homem hoje quer ser o deus interino, dominar a terra, subjugá-la independente de Deus, jamais como seu instrumento, ou melhor, como seu coadjuvante.

 

Dois propósitos de Deus foram específicos, evidentes.

 

A - “ Que o Homem O EXPRESSASSE pela sua imagem (Espírito)
B - “ Que o Homem O REPRESENTASSE pela sua autoridade, ou semelhança. (Santidade)
Deus quer ser revelado na terra pela instrumentalidade do homem.
Aí­ está o propósito original e imutável de Deus.

 

3) Nu e Inocente:

 

O homem andava nu, sem preocupação ou vergonha, até ao dia em que pecou (Gn 2 :25). Só então tomou consciência de sua nudez e se escondeu. (Esta é a primeira vez que aparece o medo na Bíblia. Medo é algo horrendo, e ao fim leva a condenação ou para o lago de fogo Ap. 21 :08). O fato de ficarem avexados provou que tinham tomado do fruto proibido. Antes tinham o resplendor da glória de Deus e não se preocupavam consigo. Tinham a proteção de Deus. Quando a perderam a primeira reação foi esconder-se de Deus. "A humanidade ainda fala, pior, muitos ainda acreditam que Eva comeu o Fruto da Macieira, ou que pecaram, pois, tiveram relações sexuais. Isto é um engano profano e diabólico criado com o intuito de desviar o homem da verdade. Deus disse: Multiplicai e enchei a terra. A teoria da maçã como fruto proibido surgiu na idade média. Devido a  dificuldade do cultivo em terra oriental, vedava-se ao plebeu a possibilidade de experimentar esse fruto. "Como resultado as terras do rei eram invadidas pelas gentes do povo que queriam degustar do fruto proibido.
 
4) Alimentação: Ervas e Frutas:
 
Tanto o homem quanto os animais (Gn 1: 29) alimentavam-se de ervas e frutas. Notem bem, não havia morte de outros animais para prover alimentação. Não havia guerra entre a criação. Em suma não havia a chamada "cadeia alimentar.

 

5) Serviço: Cultivar e Guardar o Jardim
 
Havia serviço, (mente vazia é oficina do adversá¡rio). Não era um serviço exaustivo, pois o suor e trabalho árduo só vieram depois da queda. Ficar à  toa é desastroso. Quem faz ideia de um paraíso eterno, somente louvor e adoração, uma pá¡tria sem ter nada mais que fazer, está terrivelmente equivocado. No paraíso idealizado por Deus, há muita atividade criativa, construtiva e sadia.

 

6) Proibição: Comer da árvore do conhecimento do bem e do mal.
 

 

Havia uma ordem, uma lei: “Não comer do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal (Gn 2 :16,17). Deus colocou DUAS árvores especiais no jardim. Uma era a árvore da VIDA, que segundo Deus ficava no meio do jardim (Gn 2 :09). A outra era a árvore do CONHECIMENTO do BEM e doMAL, que para a mulher (EVA), ficava no meio do jardim (Gn 3:03) Esta aliança tinha condições bem definidas, algo que o homem teria de cumprir. A aliança tinha direitos, privilégios e promessa de vida eterna através da árvore da VIDA, mas tinha uma única condição que determinaria tudo o mais. Nota: Não era comer da árvore da vida e possuir vida eterna. Enquanto o homem comesse da árvore da vida ele viveria por tempo longí­nquo.

 

7) Uma escolha: Obediência ou Morte!
 

O homem poderia escolher entre guardar ou não a condição desta aliança. Mas a pena de não guardar era uma só, MORTE! (Gn 2 :17). Temos aqui a primeira revelação da lei de Deus. "Não faça isto, pois se fizer certamente morrerás. "A lei traz morte. Porém, tornou-se necessário introduzir a lei por causa da primeira crise, a queda de Satanás, o querubim protetor que assentava entre pedras afogueadas (Ez: 28) 

 

Aliança Edênica

 

 

OBS: Ao me referir ao tempo do nascimento do Messias

é correto afirmar que foi no 4º Milênio e não século 

 

Eva, a grande mentira

"Por todo o mundo é consenso que Eva é

a responsável pela queda da humanidade"

Quer saber a verdade?

Adão é o culpado pelo caos e desordem,

afinal, ninguém mais senão ele, é quem deveria CUIDAR e GUARDAR O Jardim! 

Não seja omisso
 COMENTE CLICANDO AQUI